quinta-feira, 31 de julho de 2014

Peixe: um rico alimento - Mitos e verdades (Parte 4 de 4)

Olá pessoal!

Segue a quarta parte da matéria, Peixe: um rico alimento.

 
Mitos e verdades

Crendices populares ou hábitos regionais ditam muitas vezes o consumo de um peixe e eliminam o preparo de outros.

Confira algumas dúvidas respondidas pelos especialistas do Einstein.

Enlatados ou in natura?

Em geral, o produto fresco tem qualidade nutricional superior à daquele pronto para o consumo. Nos casos do atum e da sardinha, mesmo na forma enlatada, continuam sendo fonte de ômega 3. A dica é optar pelo produto preparado em água e sal, mais saudável do que a versão em óleo.

Gestante pode comer peixe?

As gestantes devem ter cuidado redobrado na escolha do pescado, uma vez que o peixe é um alimento de fácil contaminação e que se deteriora rapidamente. O local da compra deve ser confiável, de qualidade. Outro aspecto a ser considerado pelas grávidas é evitar o consumo de peixes de couro, como o bagre e o pintado, que têm maior risco de contaminação por metais pesados, como o mercúrio. Os peixes com escamas e barbatanas são mais seguros.

Carne de corvina é prejudicial à saúde?

A corvina possui, na maioria das vezes, cheiro de iodo, o que compromete a qualidade do preparo e a vontade de saborear o pescado. Ela não é prejudicial à saúde, apenas é um peixe pouco apreciado.

Fonte: http://www.einstein.br/einstein-saude/nutricao/Paginas/peixe-no-cardapio.aspx


Parte 1: Peixe: um rico alimento
Parte 2: Na hora de comprar
Parte 3: Do fundo do mar ou do rio?

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Agenda Caminhão do Peixe - Itajaí

Olá pessoal!

Segue agenda do caminhão do peixe da cidade de Itajaí.

31/07 Quinta-Feira – Bairro: KM 12.
Em frente a igreja do CEI(Centro Evangelístico de Itajaí)

01/08 Sexta-Feira – Bairro: Dom Bosco.
Rua: José Gall. Em frente ao pátio da Igreja Parque Dom Bosco.

02/08 Sábado – Bairro: São Judas
Rua: Indaial – no pátio da Igreja São Judas Tadeu.

Até a próxima.

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Peixe: um rico alimento - Do fundo do mar ou do rio? (Parte 3 de 4)

Olá pessoal!

Segue a terceira parte da matéria, Peixe: um rico alimento.


Do fundo do mar ou do rio?

Engana-se quem pensa que peixe é tudo igual. Os pescados provenientes do mar, por exemplo, têm maior quantidade de sódio e de iodo – este último, importante para o bom funcionamento da glândula tireoide. Portanto, pessoas com problema de hipertensão arterial devem escolher, preferencialmente, peixes de água doce ou consumir o peixe salgado com moderação.

Confira as propriedades de alguns peixes de águas doce e salgada.

Espécies de rio

·         Truta: excelente fonte de ômega 3, que auxilia no controle do colesterol. É um peixe saboroso e muito apreciado.

·         Pacu: a carne, quase sempre sem espinhas, é saborosa, porém gorda e um pouco indigesta.

·         Pintado: carne saborosa, leve e com baixo teor de gordura. Não é muito rico em proteínas, mas é benéfico quanto à digestão.

Espécies do mar

·         Salmão: de carne rosada, rico em ácido graxo e ômega 3. Favorece o controle do colesterol.

·         Pescada: muito consumido no Brasil, por seu sabor delicado, pelas poucas espinhas e pelo baixo custo. Se a preparação for frita, o valor calórico aumenta.

·         Badejo: com pouca gordura e com baixo teor de colesterol.

·         Robalo: tem a carne branca e magra. Com isso, é leve e de fácil digestão.

·         Bacalhau: boa fonte de ômega 3. Geralmente é importado da Noruega e de Portugal; tem a carne branca e saborosa. O cuidado no preparo é a retirada do excesso de sal das postas, deixando-as de molho por pelo menos 10 horas, trocando a água a cada 1 hora. O consumo não é recomendado para pessoas com hipertensão arterial.

·         Atum: rico em proteínas, vitaminas e minerais, contribui para a formação muscular e previne doenças do coração, já que também é uma boa fonte de ômega 3.

·         Sardinha: rica em vitaminas A e D, é de fácil digestão. Sua carne, de cor azulada, contém mais nutrientes que a dos peixes de carne branca.


Fonte: http://www.einstein.br/einstein-saude/nutricao/Paginas/peixe-no-cardapio.aspx

Parte 1: Peixe: um rico alimento
Parte 2: Na hora de comprar
Parte 4: Mitos e verdades

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Peixe: um rico alimento - Na hora de comprar (Parte 2 de 4)

Olá pessoal!

Segue a segunda parte da matéria Peixe: um rico alimento.


A indústria de alimento oferece cada vez mais opções de alimentos congelados e semiprontos. Apesar do avanço tecnológico, no que diz respeito à conservação dos alimentos, na hora de comprar peixe, a atenção com a qualidade deve ser redobrada. "Esse é um produto de origem animal que se deteriora com muita facilidade", lembra a nutricionista.

Por isso, é importante ficar de olhos abertos e atentos a algumas características que ajudam a perceber se o peixe está fresco ou não.
Odor: Quando fresco, o peixe cheira a maresia.

Corpo: Deve ser firme e brilhante. Quando está passando do ponto, a carne fica flácida. Faça o teste: pressione o peixe com os dedos. Se não ficarem marcas, significa que o peixe é fresco.

Olhos: Devem ser salientes, a córnea transparente e a pupila negra e brilhante.

Pele: Observe se está brilhante e com as escamas bem aderidas ao corpo. A cor da pele deve ser viva, homogênea e com alguns reflexos.

Membrana: É a pele interior que cobre a barriga do peixe e que deve aderir completamente à carne. Quando o peixe não está próprio para consumo, esta membrana é separada da carne.

O ideal é comprar o peixe inteiro. Não é aconselhável comprar peixes já cortados.
Fonte: http://www.einstein.br/einstein-saude/nutricao/Paginas/peixe-no-cardapio.aspx

Parte 1: Peixe: um rico alimento
Parte 3: Do fundo do mar ou do rio?
Parte 4: Mitos e Verdades

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Peixe: um rico alimento (Parte 1 de 4)

Olá pessoal!

Trago informações do benefício de comer peixe, assim como identificar o produto fresco, comer do rio ou do mar e ainda alguns mitos e verdades respondidos por especialistas do Einstein.

Não é novidade que uma dieta equilibrada deve incluir porções semanais de pescados. Segundo a American Heart Association, o ideal é consumir esse alimento ao menos duas vezes por semana, especialmente os peixes de água fria, como salmão, truta, bacalhau e arenque, porque estão associados à redução da incidência de doenças cardiovasculares.




Um estudo divulgado em agosto de 2008 pela Universidade de Pittsburgh (Estados Unidos) mostra que o alto consumo de peixes no Japão pode diminuir o número de ocorrência de doenças cardíacas, pois substitui os alimentos ricos em gordura saturada ou trans, como carnes gordurosas e laticínios integrais.

Além da escolha da espécie mais nutritiva, é necessário acertar no preparo para que não se percam vitaminas e para que o alimento não ganhe gordura. "O método de preparo deve evitar a utilização de gorduras saturadas e trans.
O melhor é optar pelo cozimento no forno ou na grelha. Quem prefere o peixe frito pode prepará-lo de vez em quando, com pouco óleo vegetal numa frigideira, mas as melhores opções são as preparações assadas, cozidas ou grelhadas", explica Eneida Ramos, nutricionista do Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE).

Além do modo de preparo, existem outros cuidados a serem tomados no que se refere ao consumo de peixes. Um dos problemas é o nível de mercúrio que pode existir na carne dos pescados. Segundo Eneida, esse metal pode prejudicar o sistema nervoso e o fígado.
O método de preparo deve evitar a utilização de gorduras saturadas e trans. O melhor é optar pelo cozimento no forno ou na grelha.

"Alguns peixes, como peixe-espada, cavala, tubarão e cação, são mais suscetíveis à contaminação por metais pesados e toxinas." A nutricionista aconselha consumir peixes que tenham escamas e barbatanas, como arenque, salmão, pintado, bacalhau e atum, entre outros, pois as escamas funcionam como barreira à absorção de toxinas, além de serem os recomendados na lei judaica.

Na hora da compra, é necessário observar alguns aspectos: a aparência do pescado deve ser boa, os olhos devem brilhar e ocupar todo o espaço da órbita e as escamas devem ser firmes e brilhantes. Vale ainda verificar se a carne está firme e se o mesmo está bem gelado.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Agenda Caminhão do Peixe

Olá pessoal!

Segue abaixo a agenda do caminhão do peixe da cidade de Itajaí.


22/07 Terça-Feira – Bairro: Itaipava.
Rua Geral da Itaipava, no Pátio da Igreja Católica São Pedro.
23/07 Quarta-Feira – Bairro: Santa Regina.
Rua Augusto Cugnier. Em frente á creche Diva Vieira Abrantes
24/07 Quinta-Feira – Bairro: Votorantim.
Rua: Vereador Nestor dos Santos em frente á Igreja Católica Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.
25/07 Sexta-Feira – Bairro: Vila Operária.
Rua: Eugênio Müller – Na Praça 1º de Maio
Na Frente da Igreja Nossa Senhora da Paz.
26/07 Sábado – Bairro: Cidade Nova
Rua: Agílio Cunha no Pátio da Igreja Católica Nossa Senhora de Fátima.

Fonte: http://www.sindipi.com.br/noticias/ler/2083/agenda-do-caminhao-do-peixe-de-itajai-de-22-a-26-de-julho


Para saber da agenda do caminhão do peixe de Florianópolis e Sáo José, clique aqui.

Até a próxima.

terça-feira, 15 de julho de 2014

Agenda Caminhão do Peixe - Florianópolis, Itajaí e São josé

Olá pessoal!
 
Segue agenda do caminhão do peixe da cidade de Florianópolis, Itajaí e São josé.


Florianópolis

16/07 (quarta-feira), Lagoa da Conceição, Rua Henrique Veras do Nascimento,Praça Bento Silvério.

17/07 (quinta-feira), Coqueiros, Rua Fermino Costa, Parque de Coqueiros.

18/07 (sexta-feira), Estreito, Rua Cel. Pedro Demoro, Praça Nossa Senhora de Fátima.

21/07 (segunda-feira), Rua Leonel Pereira, Cachoeira do Bom Jesus, Serte.

22/07 (terça-feira), Canto da Lagoa, Rua Laurindo Januário da Silveira, Entrada do LIC (Lagoa Iate Clube)

23/07 (quarta-feira), Ribeirão da Ilha, Rod. Baldicero Filomeno, ao lado da Intendência.

24/07 (quinta-feira), Saco dos Limões, Rua João Mota Espezim, 783, Centro Comunitário.

25/07 (sexta-feira), Capoeiras, Rua Dib Cherem, Praça vereador Nagib Jabor.

28/07 (segunda-feira), Rio Vermelho, Rua Luiz Duarte Soares, n° 6517.

29/07 (terça-feira), Tapera, Rua das Areias, Posto de Saúde.

30/07 (quarta-feira), Jardim Atlântico, Rua Elesbão Pinto luz, estacionamento Supermercado. Comper.

31/07(quinta-feira) Rod. SC 406, KM, n° 1249, estacionamento Supermercado Morro das Pedras.

Fonte: http://www.pmf.sc.gov.br/noticias/index.php?pagina=notpagina&noti=12096


Itajaí 

15/07 Terça-Feira – Bairro: Fazenda.  Rua: Abraão Bernardino Rocha. Em frente ao Grupo Escolar Guilhermina Büchele Müller.

16/07 Quarta-Feira – Bairro: Cidade Nova. Rua: Nilo Simas. No pátio da Igreja São Lourenço.

17/07 Quinta-Feira – Bairro: Arraial dos Cunha.  Rod. Antônio Heil. No Pátio do Posto Raimondi.

18/07 Sexta-Feira – Bairro: Cordeiros (Jardim Esperança). Rua: Sebastião Romeu Soares. Frente a Escola Básica Melvin Jones, em frente à Unidade de Saúde.

19/07 Sábado – Bairro: São João. Rua: Indaial, no Pátio do Auto Posto Tomio. Em frente à antiga Distribuidora Aldri.

Fonte: http://www.sindipi.com.br/noticias/ler/2077/agenda-do-caminhao-do-peixe-de-itajai-de-15-a-19-de-julho


São José

16/07    Igreja Nossa Senhora Navegantes – Serraria

17/07    Pátio do Colégio Ceniro Martins – Ceniro Martins

18/07    Centro Ed. Municipal Luar – Serraria

19/07    Pátio da Igreja – Procasa

22/07    Igreja Santa Cruz – Areias

23/07    Centro de Educação Infantil (CEI) – Forquilhas/Lisboa

24/07    Lanchonete Varandão – Potecas

25/07    Ginásio de Campinas – Campinas

26/07    Fala, São José! (local a definir)

29/07    Creche Nossa Senhora Aparecida – Dona Wanda

30/07    Colégio Renascer – Cristo Rei

Fonte: http://www.pmsj.sc.gov.br/2014/05/12656/

Até a próxima.

sábado, 12 de julho de 2014

22º Festa da Tainha em Balneário Barro do Sul

Olá pessoal!

Ainda da tempo de aproveitar a 22º Festa da Tainha que está acontecendo em balneário Barra do Sul.

Confira a programação para sábado, domingo e segunda-feira.


Sábado (12/7)
 
10h - Abrem dos estandes
11h - Abre praça de alimentação
12h - Acústico Chipas
14h - Baila com Juliano e seus teclados
15h - Tarrafa Elétrica
16h30 - Apresentação Cultural
17h - Apresentação Cultural
17h30 - Grupo de dança Paulo César Ramos
18h30 - Banda Ulisses
20h - Cloriformitos
21h30 - Banda Miopia
22h - Baile com Conexão Sul
00h30 - DJ Dan Projetic
00h30 - Show com Gian & Giovani

Domingo (13/7)
 
10h - Abrem os Stands e abre a praça de alimentação
11h - Grupo de Dança Paulo César Ramos
12h - Acústico Tuise Bueno
14h30 - Apresentação Cultural
15h - Apresentação Cultural
16h - Final da Copa do Mundo
18h - Baile com Irmãos Galvão
18h - Homem Banda e Sua Mina
20h - Jason e Anderson
20h - Pagode Novo Sonhar
22h - Show com Dani e Rafa

Segunda-fera (14/7)
10h - Abrem os Stands e a praça de alimentação
14h30 - Baile da 3ª Idade com Heroi & Heroni
17h30 - D'luca & Luciana
20h - Nicolas Luca
21h - Baile com a banda Sam Francisco
 
Até a próxima.

terça-feira, 8 de julho de 2014

Aos consumidores - Cuidado com a Histamina

Olá pessoal!

Hoje trago um post do blog Tainha na Rede, para conhecer o blog, clique aqui.
 
 
Pescados são muito suscetíveis à deterioração, e suas características sensoriais podem ser analisadas para determinar sua qualidade quando fresco. O teor de histamina também é usado como critério de qualidade. Peixes frescos normalmente possuem baixos níveis de histamina, que aumentam à medida que o peixe perde seu frescor. No entanto, práticas inadequadas de captura, manipulação, temperatura e período de estocagem podem aumentar a concentração de histamina, mesmo em peixes aparentemente frescos. Por isso é importante saber a procedência do pescado antes de comprar. Uma vez presente, a histamina não pode ser destruída pelos métodos de tratamento pelo calor. Assim, a melhor maneira de ser evitada no alimento é por meio da prevenção, usando técnicas de conservação adequadas, tais como o resfriamento do pescado a uma temperatura aproximada de 0 ºC, ou seja, colocando gelo no pescado logo após sua captura.
 
O teor de histamina indica o seu potencial em causar intoxicação. A histamina é uma amina não volátil que pode ser produzida no pescado no período post mortem a partir do aminoácido histidina. Apesar de estar normalmente presente nos tecidos, é uma toxina que quando ingerida por meio do consumo do pescado, junto com as aminas putrescina e cadaverina, podem causar uma grave intoxicação. Os peixes da família Scombridae, particularmente o atum, o bonito e a cavalinha são mais suscetíveis a acumulação de teores tóxicos de histamina, pois apresentam níveis mais altos de histidina livre, sendo, consequentemente, os mais frequentes veículos de intoxicação. Entretanto, há relatos em outros tipos de peixes como o arenque, a sardinha e a anchova. Incidentes com intoxicações também são atribuídos ao consumo de peixes enlatados (conservas).
 
No Brasil, a Portaria nº 185 de 13/05/1997 do MAPA, estabelece limite máximo de 100 ppm de histamina para peixes das famílias: Scombridae (atuns e afins), Scombresocidae (agulhas), Clupeidae (sardinha), Coryyphaenidae (dourado) e Pomatomidae (anchova).
 
Sintomas de intoxicação histamínica: náusea, vômitos, inchaço ao redor dos olhos, inchaço nos lábios, línguas e gengivas com cianose, coceiras, dores de cabeça e dificuldade respiratória. O tempo para que esses sintomas possam se manifestar, pode variar conforme a concentração de histamina presente e a dose infectante e consumida, podendo levar até a choque anafilático e morte dependendo da sensibilidade do consumidor.
 
Saiba mais sobre a ocorrência de histamina no pescado clicando aqui.
 
Até a próxima.

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Agenda Caminhão do Peixe - Itajaí e São José

Olá pessoal!

Trago a agenda do caminhão do peixe da cidade de Itajaí.


Itajai
08/07 Terça-Feira – Bairro: Fazendinha
Rua: Osni de Melo
Em frente à Subprefeitura – fundos do Ginásio Ivo Silveira.

09/07 Quarta-Feira – Bairro: Praia Brava
Rua: Rodovia Osvaldo Reis no pátio do posto de gasolina 14 Bis.

10/07 Quinta-Feira – Bairro: Portal I
Avenida Atílio Dalçóquio, n° 50 Em frente á Escola Básica Professora Thereza Bezerra.

11/07 Sexta-Feira – Bairro: Limoeiro
Ao lado da Unidade de Saúde local e ao Centro de Educação Infantil Antônio Merlo.
Em frente a Igreja Católica.


Lembro que a agenda do caminhão do peixe da cidade de São José foi divulgada semana passada. Para acessar clique aqui.

Já comprou peixe no caminhão? Comente o que achou!

Até a próxima!

 

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Agenda do Caminhão do Peixe de Itajaí e São José

Olá pessoal!

Segue a agenda do caminhão do peixe das cidades de Itajaí e São José.


Itajaí

01/07 Terça-Feira – Bairro: Cordeiros
Rua Odílio Garcia. No pátio da Igreja São Cristóvão.

02/07 Quarta-Feira – Bairro: São Vicente
Rua: Estefano José Vanoli no Pátio da Igreja Católica São Vicente de Paulo.

03/07 Quinta-Feira – Bairro: Dom Bosco
Rua: José Gall. Em frente ao pátio da Igreja Parque Dom Bosco.

04/07 Sexta-Feira – Bairro: Rio Bonito
Rua: Arquiteto Nilson Edson dos Santos. Subprefeitura do São Vicente.

05/07 Sábado – Bairro: São Judas
Rua: Indaial – no pátio da Igreja São Judas Tadeu.

Fonte: http://www.sindipi.com.br/noticias/ler/2072/agenda-do-caminhao-do-peixe-de-itajai-de-01-a-05-de-julho


São José

03/07 - Igreja Nossa Senhora de Aparecida – Roçado
04/07 - Pátio da Igreja – Sertão do Maruim
05/07 - Pátio da Igreja – Colônia Santana
08/07 - Capela Sagrado Coração de Jesus – Santos Saraiva
09/07 - Frente ao Ginásio Municipal – Centro Histórico
10/07 - Pátio da Igreja – Los Angeles
11/07 - Centro Ed. São Luiz – São Luiz
12/07 - Fala, São José! - C. E. M. Araucária – Rua Alaésio Ildefonso Rosa, s/n – Serraria
Até a próxima.

terça-feira, 1 de julho de 2014

Anchova ao forno

Olá pessoal!

As Tainhas acabaram, mas as Anchovas estão chegando. Por isso, hoje trago uma receita de Anchova assada no forno.




Ingredientes:
1 anchova de 1,5 kg
1 dente de alho picadinho
1 cebola pequena picadinha
1 tomate picado
Salsa, coentro, sal e limão a gosto
Azeite de oliva para untar

Modo de Preparo:
-Ao comprar a achova peça para espalmá-la (tirar a espinha do meio e deixá-la como se fosse um livro aberto);
-Disponha o peixe numa assadeira ou refratário untado com azeite de oliva, com a parte da pele para baixo;
-Misture todos os ingredientes do tempero e espalhe sobre a carne do peixe;
-Deixe descansar por 30 minutos;
-Regue com azeite de oliva e cubra com papel alumínio, levando ao forno médio, pré-aquecido, por 30 minutos;
-Retire o papel alumínio e deixe no forno até secar o líquido que se formou, o que dá cerca de 15 minutos;
-Para incrementar você pode cobrir com molho de camarão na hora de servir.

Fonte: http://www.tudogostoso.com.br/receita/18700-anchova-ao-forno.html

Peço desculpa pelas imagens, pois eram as únicas do site.

Espero que gostem!

Até a próxima.